18 de fev de 2011

Isca Faculdades instala Promotoria Comunitária

Gerson Américo

Aconteceu no dia 3 de fevereiro, no anfiteatro Dr Waldomiro Francisco, do Isca Faculdades, a solenidade de instalação do projeto da Promotoria Comunitária na cidade de Limeira. O projeto, vinculado ao Ministério Público (MP) de São Paulo, atua na busca de soluções para problemas sociais e de políticas públicas que interferem nas questões de segurança pública e justiça criminal.

O evento marcou a assinatura de uma parceria entre a instituição de ensino e o MP, que ocorreu no início da noite com a presença do procurador-geral de justiça, Fernando Grella Vieira. Os promotores Luiz Alberto Segalla Bevilacqua, Regina Furtado e Renato Fanin estão à frente do projeto. A solenidade também contou com a presença de autoridades municipais, como o prefeito Silvio Félix (PDT), promotores e juizes das comarcas de Limeira e região. Participaram professores do Isca, a diretora da faculdade, Maria Eliza Vieira Elias, e o presidente da Associação Limeirense de Educação (Alie), Celso Palermo.

O trabalho desenvolvido será voltado a identificar problemas sociais que atinjam a comunidade. Haverá uma sala no Isca Faculdades e outra na sede dos Juizados Especiais de Limeira, no Centro, para atender a população. Os professores e alunos do Isca vão atuar no projeto e o foco será dentro de demandas coletivas.

Segundo o promotor Luiz Alberto Segalla Bevilacqua, o projeto da Promotoria Comunitária identificará os problemas presentes dentro das comunidades e contará com o apoio da própria população. “A Promotoria serve para servirmos à sociedade e estabelecermos prioridades”, revela Bevilacqua.

O prefeito de Limeira, Silvio Félix (PDT), parabenizou as autoridades presentes na solenidade e aproveitou para ressaltar a importância da união da população com os órgãos do MP no desenvolvimento da Promotoria Comunitária. “Isso é uma evolução na democracia do país, do estado e do nosso município”, declara Felix.

Nenhum comentário: